ENTENDENDO O MEDO DE GRAVAR VÍDEOS

Entendendo o Medo de Gravar Vídeos - Tati Conceição



Eu confesso que, no início, a minha maior dificuldade em gravar vídeos era o fato de falar sozinha e olhando para uma bolinha tão pequena do celular, mas trabalhando diretamente com afiliadas comecei a entender o medo de gravar vídeos, impedindo-as de terem o resultado esperado no seu negócio.


Mas antes de continuar a ler esse artigo quero te fazer algumas perguntas:
- Você tem dificuldade em falar com desconhecidos seja na rua, na padaria, na fila do banco?
- Você se sente insegura em relação a sua capacidade, sente que não tem o que compartilhar ou até mesmo ensinar para outras pessoas?
- Ouve críticas da sua família que não entende o motivo de você passar tanto tempo na internet?
- Acha que você parece outra pessoa nos vídeos?

Bom, se você respondeu SIM a duas ou mais dessas perguntas, esse artigo é para você!

Todas essas perguntas são os argumentos mais comuns quando falamos de pessoas que possuem medo de gravar vídeos e por isso resolvi vir aqui e te ajudar.

Os vídeos são uma exposição mas também são uma fonte de conexão com o seu público. Sabe esse blog aqui? Então, eu demorei muito para cria-lo pois eu prefiro gravar vídeos mas nem sempre foi assim. O meu canal do Youtube (clique aqui para conhecê-lo) já tem uns bons anos, mas demorou bastante para tomar gosto pela coisa pois eu tinha dificuldades de falar sozinha para o nada e também pela falta de constância ( mas isso é tema para um próximo artigo)! Porém eu notei que a maioria das afiliadas que eu conhecia relatavam saber da importância dos vídeos mas se sentiam paralisadas para gravá-los, procrastinavam, davam desculpas e assim por diante.

E os motivos mais comuns que geram esse medo de gravar vídeos:

- Timidez,
- Acreditavam que não tinham nada de importante para falar,
- Falta de apoio dos familiares,
- Medo da crítica,
- Medo do julgamento,
- E se estranhavam nos vídeos!!!

Bom, existem coisas que você precisa entender para destravar e começar a gravar hoje mesmo!

Mas antes de te contar como lidar com esse medos que te travam na hora de gravar vídeos deixa eu te mostrar um relato da minha querida amiga Michele Passos, criadora do Blog Idéias em Movimento, fez em um vídeo para o meu canal do YouTube onde ela relata como a superação desse medo de gravar vídeos começou a trazer resultados para o seu negócio.



Assista ao vídeo abaixo...







Se você sofre com a timidez preciso lhe contar um segredo... Grande parte dos atores e até mesmo dos Youtubers existentes no mercado também são tímidos. Isso mesmo! Muitos relatam que para conseguirem gravar seus vídeos assumem personagens que os permitem gravar seus vídeos com maior tranquilidade, por isso as aulas de teatro são líderes de recomendação para quem deseja superar a timidez.

Mas se você sofre com a "Síndrome do Impostor" e acredita que não tem nada a dividir com o seu público quero lhe dizer que você está redondamente enganada. Você pode até argumentar dizendo que já existem milhares de pessoas falando sobre o mesmo tema  mas se esquece de um detalhe - cada pessoa é ÚNICA! E sabe o que isso quer dizer? Que cada uma tem o seu jeito de se expressar e seu entendimento sobre o assunto abordado pode ser diferente ao de outra pessoa, sendo assim você poderá ter as mesmas ou mais chances de se conectar com o seu público.

Certa vez uma aluna me relatou que estava desanimada por conta das críticas e pela  falta de apoio de seus familiares. Eu entendo porque também passei por isso, mas aprendi uma coisa - CRITICAR é inerente ao ser humano! O melhor jeito de lidar com essa situação é entender que criticas e julgamentos sempre terão, você sendo uma boa profissional ou não e que talvez muitas dessas criticas dos seus familiares e amigos vem para te proteger, já havia pensado nisso? Afinal muitos ainda acreditam que um concurso público ou um emprego de carteira assinada é mais seguro.

Agora se você se estranha ao se ver nos vídeos e ouvir a sua voz, saiba que isso é super normal pois quando você se olha no espelho a imagem está invertida, quando você fala o som que você recebe é o da sua caixa craniana bem diferente da real percebida pelos outros. E para isso eu tenho uma dica matadora para começar a gravar de vez?!  É começar a fazer stories e lives com convidados, já que os stories duram apenas 24 horas e as lives com convidados são como um bate-papo virtual.

Gostou? Precisa de convidado para fazer uma live? Me manda uma mensagem por direct, será um prazer ser sua convidada!

2 comentários